Oradores / Speakers

Álvaro Carvalho (PT) – Vice Presidente da CCDR Norte

Licenciado em Eng.ª Civil pelo ISEP. Pós Graduado em Gestão Imobiliária (EGP-University Oporto Business School). Diplomado em Direcção de Empresas pela AESE/IESE (Universidade de Navarra).

Larga experiência no ramo da Construção Civil e do Imobiliário. Administrador Executivo da Systeam-Investimentos Imobiliários SA (2003-2012).Anteriormente foi Director da Delegação Norte da Betofer- Soc. de Construções S.A., tendo passado pela Direcção Comercial e Direcção de Obras (1996-2003).Foi ainda Coordenador e Director de Fiscalização de Obras de Construção Civil na Cotéfis- Gestão de Projectos S.A.(1995).Iniciou a sua actividade profissional em 1993 na Sociedade de Construções Soares da Costa S.A.,no Departamento de Estudos e Propostas Norte.


Enrique Saiz Martín (ES) – EVoCH, Economic Value of Cultural Heritage, Diretor Geral do Patrimonio Cultural de la Junta de Castilla y León

Diretor-geral do Património Cultural na Junta de Castilla y León, em Espanha. É membro do Royal Trustees of the National Museum el Prado,  do Conselho Espanhol para o Património Cultural  e do Instituto de Ciências Urbanas na Universidad de Valladolid. Tanto na qualidade de cidadão como na qualidade de político eleito ja deu diversos contributos e assumiu um série de diferentes posições relacionadas com a conservação do património e planeamento urbano.


Enrique Hernández Pavón (ES) – Professor de Economia na Universidad de Sevilla

Professor de Economia na Universidad de Sevilla. Tem uma larga experiência na docência, tendo desempenhado as funções de professor durante 28 anos em universidades e centros de formação profissional.

Pertenceu a vários conselhos económicos e sociais na Andaluzia bem como ao Observatório Económico da Andaluzia.

Publicou um grande número de artigos e livros sobre questões económicas e educacionais, entre os quais se destacam seus trabalhos sobre Economia e Emprego na Cultura (2010), que envolveram nove universidades e um grande grupo de especialistas de renome.

Participou também em inúmeros seminários e conferências nacionais e internacionais sobre questões económicas e culturais. Atualmente é investigador nas áreas da cultura e desenvolvimento territorial e a participa no programa de doutoramento na Universidad Pablo de Olavide de Sevilha sobre  a dimensão económica e perspectiva territorial na gestão do património cultural.

É colaborador permanente do Instituto do Património Histórico da Andaluzia onde coordena o projeto “Laboratório de Empregos Culturais”, financiado pelo Fundo Social Europeu.

Manuel Caldeira Cabral  (PT) – Departamento de Economia da Universidade do Minho

Professor de Economia da Universidade do Minho. Doutorado pela Universidade de Nottingham. Licenciado e Mestre em Economia pela Universidade Nova de Lisboa.

Escreve uma coluna no Jornal de Negócios. Foi assessor do Ministro das Finanças do XVIII Governo e assessor do Ministro da Economia e Inovação do XVII Governo. Cooperante na Universidade em Timor Leste (em 2004 e 2007). Foi jornalista do Diário Económico e Semanário Económico antes de iniciar a sua carreira académica.

Carlos Santos (PT) – Faculdade de Economia e Gestão da Universidade Católica Portuguesa

Professor Auxiliar com Agregação na Faculdade de Economia e Gestão da Católica Porto.

Doutorado em Economia pela Universidade de Oxford, em 2006, tem desenvolvido investigação e ensino nas áreas da Econometria teórica e aplicada. Em particular, já desenvolveu aplicações no âmbito da Economia da Cultura e da Museologia que foram apresentadas, designadamente, em Conferências em Espanha e na Nova Zelândia. Tem publicado regularmente em revistas científicas internacionais, coordenando presentemente o grupo de Economia do Centro de Estudos em Economia e Gestão da FEG. Tem ainda colaborado com a unidade de consultoria da Faculdade de Economia e Gestão, o “CEGEA.”

Elena Castro  (ES) – Consejo Superior de Investigaciones Científicas de la Universidad Politécnica de Valencia

Licenciada em Química e doutorada em Química Industrial pela Universidade Complutense de Madrid ( 1983).

Desde 2004, trabalha como investigadora no Consejo Superior de Investigaciones Científicas (CSIC) da Universidad Politécnica de Valencia, ligado ao Instituto de Gestão da Inovação e do Conhecimento, que se debruça sobre políticas públicas e de inovação , planeamento e gestão da investigação científica e da inovação e, em particular, sobre as relações entre as universidades e a inovação e sobre o retorno sócio-económico da inovação.

É autora de mais de 35 publicações (artigos em revistas internacionais , livros e capítulos de livros ) e mais de 30 relatórios técnicos.

Atualmente colabora com várias entidades latino-americanas na avaliação de projectos de I&D.

Myriam González (ES) – Departamento de Análise Económica e Economia Política da Faculdade de Economia e Negócios da Universidad de Sevilla

Doutorada em Economia e Mestre em Economia Bancária.

Atualmente é professora na Universidad de Sevilla, no Departamento de Análise Económica e Economia Política na Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais, academia onde leccionou durante mais de vinte anos.

Investigadora pertencente ao grupo de investigação SEJ -132 ” Teoria Económica e Economia Política ” que integra o Plano Andaluz de Investigação, Desenvolvimento e Inovação.

Durante seis anos prestou assessoria jurídica à Direcção-Geral do Património Cultural do Ministerio de Hacienda da Junta de Andaluzia.

Atualmente é Reitora da Facultad de Ciencias del Trabajo.

 

Nuno Grande  (PT) – Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra

Nuno Grande (Luanda, 1966)

Licenciado em Arquitectura pela Universidade do Porto em 1992.

Doutorado em Arquitectura pela Universidade de Coimbra em 2009.

Professor Auxiliar do Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra. É, desde 2006, docente, por extensão, da Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto na disciplina de Urbanística.

Como curador e programador cultural organizou exposições sobre Arquitectura Portuguesa em Portugal e no Brasil, mais especificamente nos eventos: Porto 2001, Capital Europeia da Cultura; 1ª Trienal de Arquitectura de Lisboa 2007; 7ª Bienal de Arquitectura de São Paulo, 2007; Guimarães 2012, Capital Europeia da Cultura.

Escreve ocasionalmente em revistas da especialidade em Portugal, Espanha, França, Suíça, Holanda, Croácia, Coreia e Japão. É autor e editor de diferentes publicações no âmbito da Cultura Arquitectónica e da Cultura Urbana, no contexto português.

Albertino Gonçalves  (PT) – Diretor do Mestrado em Comunicação, Arte e Cultura da Universidade do Minho Enviado

Albertino Gonçalves é Licenciado em Sociologia pela Universidade de Paris V – Sorbonne (1981) e Doutorado em Sociologia pela Universidade do Minho (1994), onde fez a agregação no grupo disciplinar de Sociologia (2005).

Tem leccionado, desde 1982, disciplinas da área da metodologia das ciências sociais e da sociologia da cultura, dos estilos de vida e da arte. Foi director do Departamento de Sociologia (1996-2000; 2002-2004), do Núcleo de Estudos em Sociologia (2002-2004), do curso de mestrado em Sociologia da Cultura e dos Estilos de Vida (2000-2009) e do curso de mestrado em Sociologia (2007-2009). É coordenador dos cursos de pós-graduação do Instituto de Ciências Sociais, membro da comissão instaladora da Casa Museu de Monção e investigador do Centro de Estudos Comunicação e Sociedade.

No que respeita a livros publicados, é autor de “Imagens e Clivagens: Os residentes face aos emigrantes (1996)” e “As Asas do Diploma: A inserção profissional dos Licenciados pela Universidade do Minho (2001)”; coordenador de “Da Universidade para o Mundo do Trabalho” (2001) e “Perspectivas de Desenvolvimento do Município de Monção” (2008); e co-autor de “A Romaria da Srª da Agonia”, “Vida e Memória da Cidade de Viana” (2000), “Vertigens do Barroco em Jerónimo Baía” entre outros.

Clara Almeida Santos  (PT) – Vice Reitora da Cultura e Comunicação da Universidade de Coimbra  Enviado

Doutorada em Ciências da Comunicação pela Universidade de Coimbra. É actualmente professora auxiliar no Departamento de Filosofia, Comunicação e Informação da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra.

Jornalista de formação, trabalhou no Canal de Notícias de Lisboa e na SIC, onde exerceu funções fundamentalmente na SIC Online.

Directora da UCV – televisão Web da Universidade de Coimbra – foi editora da revista  Rua Larga. Trabalhou ainda como directora de comunicação da Interacesso e foi assistente convidada na Escola Superior de Educação de Coimbra.

Tendo participado em diversos projectos europeus relacionados com o diálogo intercultural e com os media, foi consultora do Conselho da Europa no âmbito da campanha “Speak Out Against Discrimination”.

 

Helena Costa  (PT) – Coordenadora do Gabinete de Projectos Institucionais e Relações Internacionais da EGEAC – Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural

Helena Pais Costa nasceu em Lisboa em 1969. Licenciou-se em Direito, menção de Estudos Jurídico-Políticos, na Faculdade de Direito de Lisboa, em 1992. Exerce há mais de vinte anos actividades ligadas à Comunicação, à Cultura e ao Direito. Foi colaboradora de diversos órgãos de comunicação social, do Clube Português de Artes e Ideias e da Direcção-Geral da Indústria. Foi assessora da Sociedade Lisboa 94 – Capital Europeia da Cultura (Departamento de Espectáculos, Animação e Edições). Trabalha na empresa municipal EGEAC – Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural, E.M., desde 1996, onde foi responsável pelas áreas jurídica, de recursos humanos e de logística. É Coordenadora do Gabinete de Projectos Institucionais e Relações Internacionais desde 2007.

Xavier Greffe (FR) – Professor de Ciência Económica na Université Paris-1 Panthéon-Sorbonne

Professor na Universidade de Paris I Panthéon-Sorbonne, onde dirige o programa de Economia de doutoramento em artes e media.

Professor de Economia do Património Cultural e Paisagem. Professor na Universidade de Tóquio, Los Angeles (UCLA), Paris Nord, Alger e Parisi.

Ocupou vários cargos nos Ministérios da Educação e do Trabalho e Emprego do Governo  Francês.

Foi também reitor da Academia de Orléans-Tours e Poitiers.

Foi Membro do Conselho de Administração da Associação Internacional de Economia da Cultura.

 

Alessandro Bollo (IT) – Fundador e responsável pelo Departamento de Investigação e Consultoria da Fondazione Fitzcarraldo

Alessandro Bollo é um dos fundadores da Fondazione Fitzcarraldo – um centro internacional independente de investigação, formação, planeamento, documentação cultural, artes e gestão de media, economia e políticas, em Turim, Itália – onde é responsável pelas Unidades de Investigação e Consultoria

Nascido em Turim, em 1972,  é Licenciado em Economia (marketing cultural) e Mestre em Gestão de Projetos Culturais.

 Desde 2002, é o Coordenador do Observatório Cultural de Piemonte. É professor de marketing cultural no Politécnico de Turim – II, Faculdade de Arquitetura e conferencista em vários cursos para diferentes agentes culturais em Itália e no exterior.

 A partir de 2000 foi promotor do departamento de marketing da AISM, Associação Italiana de Estudos de Marketing em Milão, Itália.

Foi, em 2003, um dos membros do Conselho da Europa na avaliação das políticas culturais no Montenegro. É co-autor do “Manual Global para medição da participação Cultural”, encomendado pela UNESCO.

Belén Elisa Diaz (ES) – ‎Diretora do Mestrado em Economia Creativa na Universidad Rey Juan Carlos de Madrid

Diretora do Mestrado em Economia Creativa na Universid Rey Juan Carlos de Madrid. Licenciou-se em Belas Artes: Pintura, Desenho e Audiovisual, entre 1986 e 1991, e em Ciências Económicas e Empresariais, entre 1987 e 1992, na Universidade de Salamanca.

Desde 2001 que é Professora Associada  da Seção de Organização de Empresas na Universidade Carlos III, em Madrid, onde se encontra, atualmente, também a realizar a sua tese de doutoramento sobre Organizações Culturais (Fundações e Mecenato).

Belén Díaz fundou e dirige o Master en Economia Creativa na Universidade Rey Juan Carlos, de Madrid (http://www.urjc.es/estudios/titulos_propios/economia_creativa/index.html), bem como o projeto de investigação “Empresa, Humanismo y Gestión Cultural”, uma plataforma internacional de armazenamento e  difusão científico-cultural (http://www.empresahumanismoygestioncultural.com/).

Paralelamente à sua atividade académica e de investigação, encontra-se a estudar Arquitetura na Universidade Politécnica de Madrid.

Pedro Costa  (PT) – Diretor do Mestrado em Estudos de Desenvolvimento no ISCTE

Pedro Costa é Doutorado e Mestre em Planeamento Regional e Urbano pela Universidade Técnica de Lisboa.

Professor Auxiliar do Departamento de Economia do ISCTE. Membro do DINÂMIA (Centro de Estudos sobre a Mudança Socioeconómica) e do CIRIUS (Centro de Investigações Regionais e Urbanas do ISEG-UTL).

Principais áreas de trabalho: Planeamento Regional e Urbano, Competitividade Territorial, Políticas de Desenvolvimento Regional e Local, Planeamento Estratégico, Economia do Território, Economia da Cultura.

Lluis Bonet Agusti (ES) – Coordenador do Programa Doutoral em Gestão da Cultura e do Património na Universidad de Barcelona

Professor de Economia Aplicada e Diretor do Programa de Doutoramento em Gestão da Cultura e do Património e do curso de pós-graduação em Gestão Cultural na Universidad de Barcelona.

Foi investigador convidado do Massachusetts Institute of Technology e da Université de Montpellier e conferencista em mais de 30 países.

Atualmente é Presidente do Júri do Prémio de Investigação Política Cultural da Fundação Cultural Europeia.

Foi presidente da Rede Europeia de Centros de Formação de Administração Cultural (ENCATC), Vice-Presidente da Associação Comercial de Artes Educadores Administração (AAAE) e Membro do Conselho de Administração da Associação Comercial de Cultural Economia Internacional (IECA).

É autor de vários livros, artigos e estudos no sector cultural.

 

Duncan Melville (UK) – Economista do English Heritage


Economista Consultor na Jacobs UK Limited entre outubro de 2012 e fevereiro de 2013.

Economista sénior da Roger Tym and Partners (RTP) a partir de maio de 2009 a setembro de 2012, onde trabalhou numa série de projectos ligados à análise macroeconómica.

Economista chefe na ABL Economics (2003-2009), liderando serie de projetos de análise como apoio às políticas da ABL.

Foi Chefe da Unidade de Análise Macroeconómica (MAU) no HM Treasury (2002-2003).

Trabalhou como consultor e assessor do Tesouro Britânico. Foi responsável pela assessoria económica e política de uma série de questões ligadas ao mercado de trabalho no Departamento do Trabalho na Nova Zelândia (1996-1999) e de vários departamentos governamentais do Reino Unido (1986-1996).

Mário Brito

foto_mbrito

 

 

 

 

 

Coordenador do Mosteiro de Tibães/ Direção Regional de Cultura do Norte e Coordenador da Organização do Seminário Internacional sobre Património Cultural, Economia e Emprego. Tem desenvolvido a sua actividade no âmbito da Gestão Cultural e, mais recentemente, tem estado envolvido em acções relacionadas com as Indústrias Criativas e criação de emprego cultural. Foi Diretor de Departamento de Museus e Património da C.M. do Porto, professor da Universidade do Porto, formador e colaborou com diversas instituições de ensino, nomeadamente a Universidade do Minho e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro.

Desempenhou também funções nos Serviços Regionais de Arqueologia da Zona Norte, Museu D. Diogo de Sousa e Instituto Português do Património Arquitectónico. Licenciado em Arte e Arqueologia é Pós-Graduado em Gestão Autárquica Avançada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s